Grupo santareno se aventura em rapel na Cachoeira do Grim em Rurópolis

Rapel é aventura só para corajosos

No último domingo (20/09), o Grupo Cia da Selva realizou rapel na Cachoeira do Grim, localizada no município de Rurópolis, distante 220 quilômetros de Santarém, no oeste do Pará. Apaixonados por escaladas, a equipe desceu uma altura de aproximadamente 30 metros. A técnica de alpinismo, que consiste em descer de pontos altos utilizando uma corda, requer cuidados especiais de segurança e gosto por esportes radicais.

O Técnico de Segurança no Trabalho e Instrutor de Rapel, Dedicley Lira, criou o grupo há quase 10 anos. Ele explica que a prática é simples, mas precisa de alguns cuidados. “Primeiramente é preciso que o praticante procure instrutores especializados e utilizem equipamentos de segurança, como cordas, capacete, cadeirinha, luvas, mosquetão, freio oito, cabo solteiro, tênis ou bota e roupas esportivas confortáveis”, disse.

Segundo o instrutor, a descida é muito tranquila, possibilita que a pessoa se sinta bem, praticando e conhecendo o esporte. “É uma aventura muito boa e todos podem participar, mesmo quem nunca fez rapel. A nossa equipe passa toda orientação e os equipamentos garantem total segurança. Quem faz o rapel pela primeira vez se apaixona e sempre volta para fazer mais vezes”, concluiu Dedicley.

PARTICIPANTES:

A socorrista e resgatista, Nayara Carvalho, já faz parte do grupo há nove meses. Ela relata que cada descida é única. “A primeira vez que fiz o rapel simplesmente me apaixonei, apesar do friozinho na barriga, mas a sensação de liberdade e contato com a natureza é muito prazerosa. Fiz o curso de Resgate com o Lira [instrutor], para aprofundar o conhecimento técnico, nesse curso aprendi como cuidar da minha segurança pessoal e da segurança dos demais participantes, assim como, passar tranquilidade. Cada descida é uma experiência única, ainda sinto as borboletinhas no estômago, mas isso nunca foi e nunca será impedimento que me faça desistir de aproveitar o momento, até porque cada altura que você desce, a tendência é querer superar e mais alto”, relatou.

O médico Caio Marck não fez o rapel, mas aproveitou o passeio para contemplar as belezas naturais do lugar. “O barulho de uma cachoeira é, com certeza, um dos sons mais gostosos de ouvir e empolga qualquer um que ama uma aventura. Não fiz o rapel, porém aproveitei o banho de cachoeira, a trilha e o acampamento. O melhor de tudo é que fiz muitas amizades. Foi uma alegria muito grande participar, deu para relaxar a mente, descansar e se divertir, talvez numa próxima vez eu consiga descer o rapel”, destacou.

A empresária Alline Sá não escondeu a emoção em praticar o rapel pela primeira vez. “Sempre quis descer rapel, gosto de aventuras, vi o anúncio nas redes sociais e fiz logo a minha inscrição. Fiquei nervosa no início, pois não conhecia nada, mas depois senti segurança na equipe, amei a decida, tudo organizado, não teve falha nenhuma. Foi uma experiência maravilhosa e já quero outros rapeis. Super indico para quem nunca fez, com certeza vão adorar”, ressaltou.

Para a servidora pública, Sara Silva, o momento foi de muita alegria e descontração. “Foi minha primeira experiência com o rapel e gostei muito, amei. Imaginei que sentiria alguma espécie de nervoso ou algum estresse emocional, mas, ao contrário, me senti tranquila e segura pelas instruções e orientações que foram dadas antes da descida. Não senti medo de estar ali foi mais alegria extrema de fazer algo fora da rotina só mesmo sensações boas. No quesito segurança, dou nota 10 para a equipe, pela seriedade, pelo compromisso, pela responsabilidade e pela sutileza em passar para quem era inexperiente o risco. Em nenhum momento foi preciso colocar temor para que se houvesse respeito aos limites”, avaliou.

Participaram da excursão os instrutores: Dedicley Lira, Nayara Carvalho, Adam Warlem, Tiago Castro, Angélica Sousa, Ronaldo Lima e Cássia Daniela.

A próxima excursão será para a Cachoeira Véu de Noiva, situada na reserva florestal Vale do Paraíso, 58 km do município de Alenquer- PA. A data do evento será divulgada em breve pelos organizadores.

Por Gleicy Lira – Jornalista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *