Prefeitura usará oxímetros em pacientes monitorados suspeitos de Covid-19

A pneumonia causada em pacientes infectados pelo novo coronavírus causa diminuição da quantidade de oxigênio no sangue.

Prefeito anunciou nova arma contra a Covid-19 em SantarémA Prefeitura de Santarém, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, vai utilizar oxímetros para medir oxigenação do sangue de pacientes monitorados e avaliar evolução de sintomas da Covid-19, doença do novo coronavírus. Foram adquiridos mil aparelhos. Eles serão usados no atendimento da Unidade de Pronto Atendimento 24 horas (UPA 24h) e também ficarão  na residência dos pacientes que farão a medição da saturação do oxigênio.

Novo coronavírus causa diminuição de oxigênio no sangue.“Para colocarmos em prática essa medida preventiva, compramos 1mil oxímetros para ceder via empréstimo de comodato aos pacientes monitorados. Eles poderão acompanhar sua saturação e notando qualquer baixa de oxigênio informar a equipe de monitoramento que irá orientar para internação ou realização de tomografia do tórax”, explica o prefeito Nélio Aguiar.

A pneumonia causada em pacientes infectados pelo novo coronavírus leva à diminuição da quantidade de oxigênio no sangue. Oxímetro de dedo permite detectar de forma precoce se uma condição respiratória grave está se formando, mesmo que não haja sintomas. “Identificando os casos antes que se tornem graves vamos salvar muitas vidas”, argumentou Nélio Aguiar.

O oxímetro de pulso é um aparelho com formato similar ao de um pregador de roupas, utilizado no dedo para medir a saturação de oxigênio transportado no sangue. O aparelho usa um feixe de luz para aferir quanto oxigênio é transportado pelas hemoglobinas.

 

#FicaEmacasaSantarem
#TodosContraoCoronavirus
#PrefeituradeSantarem

Acompanhe as ações da Prefeitura de Santarém nas redes sociais:
Facebook: https://pt-br.facebook.com/prefeituradesantarem/
Instagram: @prefeituradesantarem
Youtube: Canal da Prefeitura de Santarém

Alailson Muniz Agência Santarém

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *